AllBread Corporation


Fundada: 2013 | Sede: Espinho | Área: Indústria

Ver Site

AllBread Corporation


Nível de Heroísmo 4.8913043478261

Impacto Social

Capacidade Inspiracional 4.8478260869565

Pontuação Apurada: 224

Criámos um produto 100% nacional, inovador e de elevada qualidade.



01

Antes do salto

Licenciei-me em Gestão pela Universidade Católica, tendo terminado o curso na Universidade de Economia de Barcelona.

Em 2006, voltei para Portugal para trabalhar na empresa de panificação do meu pai.

No entanto sabia que ter um projeto próprio, para criar raízes, me daria uma motivação completamente diferente.

Como gosto de desafios, comecei a investigar.

02

O que motivou o salto

Com o conhecimento que já tinha da indústria panificadora e depois de ter feito uma pesquisa de mercado, percebi que havia espaço para um produto inovador em Portugal: pão ralado feito a partir de pão fresco.

Até então, o pão ralado que cá havia era feito por padarias a partir de sobras de pão seco. Toda a indústria do pré-cozinhado por exemplo usava pão ralado de Espanha.

Foi assim que nasceu a AllBread -  a única produtora nacional de pão ralado que utiliza como matéria prima o melhor pão fresco. E que produz pão apenas para esse fim.

Não o fizemos só para nos diferenciarmos no mercado. Fizemo-lo principalmente porque colocamos a saúde e segurança alimentar, dos consumidores e a qualidade do produto em primeiro lugar.

A nossa motivação era disponibilizar ao mercado português um produto 100% nacional de elevada qualidade, em ruptura com o pão ralado existente.

03

O salto

O maior desafio foi o início da empresa. Era preciso fazer um grande investimento e não tinha a certeza se o projeto era viável a longo-prazo. 

Aluguei um armazém, contratei duas recém mestradas para controlo de qualidade, comprei a maquinaria.

O objetivo era ter um produto superior. O nosso pão ralado é diferente do espanhol em sabor, textura, cor, granulometria. Para o produzir tivemos, inclusive, de adaptar as máquinas que encontrámos e investimos num laboratório interno em que controlamos de 30 em 30 minutos a qualidade do produto acabado.

Vendemos o nosso pão ralado a distribuidores que o vendem ao consumidor final com marca própria e a fábricas de pré-cozinhados (indústria).

 

A indústria percebia o valor do produto, mas tivemos muitas dificuldades em encontrar distribuidores que acreditassem nele. Hoje ainda existe essa dificuldade, mas a situação está muito melhor.

Apesar disso, fomos bem-sucedidos. Depois do arranque, definimos como objetivo atingir as 500 toneladas anuais. Essa meta foi atingida em 2015, quando as estimativas apontavam apenas para o 4ºano de existência da empresa.

04

Os resultados do salto

Agora o nosso objetivo é duplicar a capacidade de produção até fim de 2020/2021. E, consequentemente, começar a exportar.

Para isso, com o apoio do Portugal 2020, já adquirimos uma segunda linha de produção de Pão Ralado e uma nova linha de produção de Pão.

Temos 6 colaboradores e, em princípio vamos ter de contratar mais. As instalações também começam a ficar pequenas e já pensamos em mudar.

No ano passado a AllBread faturou 500 mil € - tendo vendido 1000 toneladas do nosso produto a clientes que antes iam buscar o pão ralado a Espanha. Em três anos queremos faturar 1 milhão.

Outro indicador de que estamos a fazer um bom trabalho foi o facto de termos sido distinguidos como uma marca Portugal Sou Eu, um programa do Ministério da Economia que visa valorizar a qualidade dos produtos portugueses. 

Da nossa história aprende-se que, por muito grande que seja o desafio e as incertezas, quando acreditamos num projeto e temos dados que nos apoiem temos de avançar. Sempre com a segurança devida, mas há que ter ambição e coragem.

O nosso maior orgulho é o reconhecimento que temos no mercado e a satisfação dos nossos clientes que até recomendam o nosso produto a mais empresas.

04

Os resultados do salto

Agora o nosso objetivo é duplicar a capacidade de produção até fim de 2020/2021. E, consequentemente, começar a exportar.

Para isso, com o apoio do Portugal 2020, já adquirimos uma segunda linha de produção de Pão Ralado e uma nova linha de produção de Pão.

Temos 6 colaboradores e, em princípio vamos ter de contratar mais. As instalações também começam a ficar pequenas e já pensamos em mudar.

No ano passado a AllBread faturou 500 mil € - tendo vendido 1000 toneladas do nosso produto a clientes que antes iam buscar o pão ralado a Espanha. Em três anos queremos faturar 1 milhão.

Outro indicador de que estamos a fazer um bom trabalho foi o facto de termos sido distinguidos como uma marca Portugal Sou Eu, um programa do Ministério da Economia que visa valorizar a qualidade dos produtos portugueses. 

Da nossa história aprende-se que, por muito grande que seja o desafio e as incertezas, quando acreditamos num projeto e temos dados que nos apoiem temos de avançar. Sempre com a segurança devida, mas há que ter ambição e coragem.

O nosso maior orgulho é o reconhecimento que temos no mercado e a satisfação dos nossos clientes que até recomendam o nosso produto a mais empresas.